terça-feira, 18 de outubro de 2011

Dia das Crianças e bora Bahêa!

É filha, viu quanta coisa?

É pra compensar o tempo que estou sem escrever pra você.

Semana passada fomos ao shopping Center, seu debute, com o canguru que a mamãe comprou, me senti a pessoa mais feliz do mundo ao passear abraçado com você e todos olhando, apreciando aquilo que eu já sei, a minha riqueza mais linda do mundo.

Fomos lá para escolher um presente de dia das crianças para sua prima, mas só pra ela, pasmem, você acabou ficando sem, tá certo que a mamãe te comprou um mordedor do Backyardigan´s, mas saí da loja com a sensação de “pôxa, primeiro dia das crianças da minha filha e não comprei nada legal pra ela...”.


As princesas com os presentes
 E foi exatamente neste dia das crianças que fui, a trabalho, para um evento em Salvador e na bagagem, além de muita saudade e tristeza de deixar minhas duas pequenas (calma pessoal, ainda não é a irmãzinha da Mi, é assim que chamo minhas amadas, a Mi e a Dri, minhas pequenas), a convicção de, “tenho que trazer um presente “importado” da Bahia pra Millena.”

Taí filha, algodão cru, um trabalho artesanal sensacional que só tem lá e no Rio de Janeiro, chique não?

Feliz 1º dia das crianças atrasado!

Ah, assim que tiver a oportunidade, posto a foto do vestido cheio de Millena!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não é conta de mentiroso

Filha! Quando comecei a escrever este blog, há pouco mais de 7 anos, eu imaginava você, imaginava seu nome, imaginava como seriam os m...