quarta-feira, 26 de junho de 2013

Sem título.

Hoje o texto não tem título, não tem na verdade, nem texto para ser lido.

Não há muitas palavras quando você tem em sua casa, duas riquezas como estas, não há muitas palavras para explicar isto aqui!

Não é verdade?

quarta-feira, 19 de junho de 2013

Oh tricolor!

Filho, hoje a noite você chorava, copiosamente.

Se arranhou, e bem, com suas unhinhas.

Até o colo da mamãe não foi suficiente, então, o papai aqui pensou em tentar ajudar e com você chorando no meu colo comecei a cantarolar:

Salve o tricolor paulista, amado clube brasileiro, tu és forte tô és grande, dentre os grandes és o primeiro...e por aí vai.

Obviamente, se você soubesse da atual fase do nosso tricolor, continuaria a chorar, mas não, o hino do mais querido acalmou você, meu são paulino.

Vamos torcer para a fase do tricolor melhorar quando você for ao Morumbi com o papai, né?

terça-feira, 18 de junho de 2013

Demais

Sua filha lhe vê cabisbaixo, triste...

Senta no seu colo, com a mãozinha por volta de seu pescoço e olhando no seu olho diz:

"Papai, não chora, eu te ama demais".

Foi aí que chorei mesmo...

Filha, se você me ama demais, imagine o quanto eu, te amo.

Papai, porque o São Paulo só Perde?

Como já deu pra notar aqui no blog, sou um São Paulino fervoroso, desde muito antes de me meter nessa de ser escritor amador. Mas nessas o...