sábado, 9 de julho de 2011

O bebê de 6 semanas

É Mi você já tem um mês e meio fora do barrigão da Mamãe, acredita?

Como tudo passa rápido, parece que foi ontem que a Mamãe falou que estava grávida e que 9 meses depois teríamos você em nossas vidas.

Falam que as mamães às vezes sentem falta da gravidez, das sensações que têm quando você se movimentava dentro do barrigão.

Eu também sinto, sabia?

Do cuidado excessivo que eu tinha (ainda tenho, mas é diferente) com vocês duas, sim, era um cuidado em dobro, pois “naquela época” vocês eram uma só, né?

Dos creminhos que eu passava no barrigão da mamãe e das conversas que tínhamos ao “pé do umbigo”

Até da maternidade, todo dia, ao passar pela entradinha da 23 que leva ao Santa Joana, lembro daquela manhã de sábado, quando fomos pra lá....

Mas quando vejo suas fotinhos, chego em casa, ah, nem lembro de nada disso!
Que bom que você já está aqui!!!!!

E hoje, quando li isto no Baby Center, é, não perdi o hábito de navegar no site das mamães... Não tive como não enxergar você ali, é, esta é você Mi.

Nesta fase, quase metade dos bebês reconhece a mãe e o pai, por quem têm clara preferência em comparação a estranhos. Seu filho poderá até sorrir ao ver você, além de dar gritinhos e balançar as pernas de alegria.
Aos poucos, as crianças começam a ficar mais sensíveis em relação ao ambiente, reagindo de alguma forma, seja chorando ou até mesmo se agitando, com o toque de uma campainha, por exemplo. O som de uma música no rádio ou cantada por você também passa a despertar interesse.

Seu filho prestará mais atenção às coisas, olhando fixamente para um brinquedo colocado na sua frente. Para os pais, esse início das interações com o mundo externo é uma experiência extremamente gratificante, especialmente depois das semanas de trocas de fraldas, amamentação, banhos e beijos com pouca ou nenhuma resposta
.

Minha coisa rica!
Já são dois dias seguidos que o papai chega em casa e ganha vários sorrisinhos de presente!

Isso sem contar o quanto você já gosta do móbile do seu berço, presente do vovô Valdir,
além de seguir o Mickey e Minie com os olhinhos, fica girando a cabecinha, acompanhando o girar deles.

É tão fantástico que tive que filmar você fazendo isso! 
Olha só, ontem ao mostrar pra sua Bisa ela ficou “louca”.


E é assim mesmo que me sinto, todos os dias, minha princesa, louco de vontade de voltar pra casa pra receber um sorriso desses, poder te abraçar, beijar e agradecer ao Papai do céu pelo presente que ganhamos!

Obrigado, Mi!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não é conta de mentiroso

Filha! Quando comecei a escrever este blog, há pouco mais de 7 anos, eu imaginava você, imaginava seu nome, imaginava como seriam os m...